Pausado, calmo, observante e em controlo.

Ponderado e consciente do raciocínio em tempo real. Uma mecânica sináptica, electro química quântica.

Dominante e em domínio.

Nitidamente em contra corrente, onde prevalece o dísparo contínuo, a rajada de acordo em desacordo e o impacto do fútil.

Produtos da preguiça, da desmotivação e da gratificação instantânea são afinal os seus próprios fundamentos dessa inoperante forma de viver a olhar para os pés com um ligeiro desfoque no umbigo – na nítida falta de profundidade de campo.