Só me interessa como faço aqui ( o que faço, já eu sei ) . Desta premissa parte o meu modo, nesse ataque inquieto á vossa humanidade e à vida que me cobro. Por isso prescindo de muito mas nunca do meu essencial, e é aí que afirmo o meu capital – com K para ser mais forte : saber não é tudo, usar é muito mais, dar é um gesto eterno que nenhuma retribuição poderá igualar sem ser na medida da dádiva.

. MONSTRUKTOR