Vivo em mim como se de uma viagem aos confins do mundo se tratasse_ onde passo longas horas / a admirar as minhas paisagens + na expetativa que a próxima planície, montanha ou forma de água & me leve a um novo sítio † em mim. É nesse tempo ° que vejo e reconheço novas gentes ∆ boas – muitas – más + tolas = não interessa • e falo, pois faço-o por mim. Nem sempre sinto vontade de voltar pelo mesmo caminho, só para conhecer ainda mais assim, mas há pessoas que me podem pedir isso sem problema, que eu digo que sim.

. MONSTRUKTOR

— the monstruktor

Writing

Quote

January 2, 2019


FOR ANY QUESTIONS